quinta-feira, 22 de março de 2012

ME DESCOBRINDO SEM QUERER

Olá, pessoal. fazia tempo que não postava. não tenho tido nenhum tempo. mas devido a alguns acontecimentos, senti a extrema necessidade de escrever.
Aconteceram algumas coisas na minha familia que me mostraram o quanto sou fragil, o quanto me desespero facil com as coisas. me mostraram o quanto ainda sou muito apegada a todos que fazem parte dela, até mesmo àqueles a quem eu deveria não gostar, sim, eu gosto e não consigo desejar o mal.
Esses acontecimentos me mostraram também o quanto preciso deixar de ser tão fechada, tão caramujo e ter alguém em quem eu possa confiar, pois sozinha não consigo segurar a barra que está por vir. aliás, sozinha não consigo segurar barra alguma.
E uma outra coisa tudo isso me mostrou: por mais que tentemos fazer a coisa certa, por mais que tentemos ir pelo caminho reto e prejudicar menos gente possivel, você nunca faz a coisa certa. você sempre prejudica a alguém e principalmente: prejudica a si mesmo, pois você vai a vida inteira se culpar por não ter feito a coisa certa. e se alguém achar uma maneira de fazer a tal coisa certa me aviza, pois eu cheguei a conclusão de que ela não existe, que ela é relativa.
Enfim, essa semana foi cheia de aprendizados. é bem verdade que esses aprendizados foram forçados, e eu espero não ter que aprender mais nada pelos próximos meses, mas no fim de tudo, serviu pra alguma coisa toda essa turbulenncia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentem a vontade. estou aberta a sujestões e criticas. abraços!