sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Sentindo na pele

Bom dia, pessoal, tudo joia?
Hoje vim falar sobre algo que está mexendo um pouco com a minha estutura emocional, mas nada que não vá passar. Só preciso desabafar, e nem sei se vocês precisam ler.
De uns dias pra cá, tenho desistido de algumas coisas na minha vida. E não por comodismo, falta de vontade ou preguiça, como já escutei muito de pessoas que me conhecem bem, mas por causa das minhas dores e cansaço extremo. E por que cansaço extremo e dor? Seria bem legal se eu pelo menos soubesse, mas não sei. Aliás, nem eu sei e nem os médicos do Clinicas que me atendem há pelo menos 20 anos, e ainda por sima, tem uma pasta com meu histórico errado.
Desde pequena, não tive um desenvolvimento muscular normal, andando só a partir dos 03 anos. desde então, me submeto a vários exames, que chegam a duzentas conclusões diferentes, desde "você não tem nada, é falta de preparo físico" até "você nunca vai andar"..
Nunca tinha sofrido muito com isso, desde que eu não caminhasse longas distâncias, tava tudo certo. Agora, qualquer coisa que eu faça, qualquer tempo demais deitada, sentada ou parada, me cansa e provoca dores.
E por causa dessas dores, desisti de muitas coisas, como fazer uma viagem, estudar para concurso e outros compromissos.
Antes eu achava que algumas pessoas que ficavam deficientes, exageravam um pouco na depressão, se tornando até chatos; mas agora, sentindo na pele, não é exagero, pois é muito difícil ter que deixar coisas que você quer muito fazer, porque simplesmente, não consegue fazer.
Então, a partir de agora, não me comprometerei mais com nada, pois não vou mesmo conseguir cumprir na íntegra com os compromissos. E tabém porque não fazendo compromisso, também não me frustro.
Falei q o post ia ser chato; mas tava a fim de escrever, então, pra mim valeu como terapia.
PS: também é a última vez que passo aqui para reclamar, prometo. E isso sim, posso cumprir.