quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

O que aprendi com 2016


Oi, pessoal, como vão vocês? E como foram as festas natalinas?? As minhas, melhor impossível. Passei com minha família, que amo de paixão, daí,não preciso de mais nada.

Mas o que vim falar é sobre meus aprendizados em 2016, e que foram muitos. Foi um ano de muito amadurecimento, muita iluminação espiritual, enfim, muitas lições, que espero ter aprendido.

A primeira coisa que aprendi foi o autocontrole. Aprendi que tudo na vida é autocontrole, que podemos nos forçar a nos acalmarmos,a serenarmos nossos pensamentos e sentimentos; e só podemos fazer isso se tivermos fé nos propósitos de Deus, pois nada em nossa vida, na minha opinião, é por acaso.

E se não temos autocontrole e precisamos de calmantes para obtê-lo, que tomemos então, pois parte do aprendizado de 2016 foi a autoaceitação e o autoconhecimento. Aprender que ser diferente é normal-- muito clichê, né?--, e que todos temos limitações e precisamos aprender a conviver com elas foi, quem sabe, meu maior aprendizado do ano. Aprendi a não ter vergonha de mim mesma, de meus pensamentos, meus limites e meus defeitos. Claro, tento melhorar o que é necessário, mas hoje digo o que eu penso sem ficar matutando o que os outros vão pensar; essa sou eu, e quem  gostar de mim, vai gostar independente de qualquer coisa.

Aprendi também a impor minha vontade, mesmo que isso possa as vezes, ir contra a vontade e o pensamento de outros; pois a final de contas, eu quero, e se estiver errado,  então que eu quebre a cara e aprenda, que tal coisa n pode ser feito. Mas tenho que aprender por minha própria experiência, e não pela experiência alheia. Deus deu uma vida a cada um, uma experiência a cada um; então, que cada um viva de acordo com o que quer ou acredita.

E aprendi, finalmente, que demonstrar sentimentos é a melhor coisa do mundo. E de preferência, ver o melhor de cada um, de cada situação, pois ninguém é totalmente bom ou totalmente mau, vai depender dos olhos com os quais você quer ver as pessoas, vai depender do lado que te atrai mais olhar. Eu me sinto atraída pelo bem que há em cada um, e para atrair o bem, procuro demonstrar meus melhores sentimentos com relação às pessoas; espero ter conseguido.

Espero ter mais coisas a aprender em 2017, pois a vida sem aprendizados não tem graça. E você, o que aprendeu com 2016?

 

Um comentário:

  1. Realmente Taís,2016,não foi fácil,mas também aprendi muito é que venha 2017 estou pronta para o novo aprendizado.

    ResponderExcluir

comentem a vontade. estou aberta a sujestões e criticas. abraços!