terça-feira, 3 de setembro de 2013

OLEO DE PEROBA NELES!

Olá, pessoal, tudo joia? Nãofizminha postagem tradicional no domingo ou na segunda por pura preguiça. Aliás, a preguiça tem tomado conta de mim utimamente. Que vergonha...
Mas minha vergonhanão é maior do que a falta de vergonha dos deputados da câmara federal, que mantiveram o mandato de um deputado, mesmo ele estando preso por peculato e condenado a 13 anos de cadeia, sendo que desses 13 ele irá passar apenas até setembro do ano que vem. E é sobre isso que eu vou comentar.
Por poucos votos de diferença, que com certeza, são os votos de deputados que se abstiveram de votar, e por voto secreto, a câmara decidiu que o deputado Renan Donadon, mesmo estando condenado em última instância em regime fechado, continua sendo deputado, com todos os privilégios que a função proporciona. Muitos parlamentares disseram a imprensa que isso mancha a imagem do congresso, que é um absurdo. Mas como vamos acreditar em sua sinceridade se nem sabemos se eles votaram contra a cassação ou não?
Renan deu um discurso digno de novela mexicana na câmara. Disse que está tomando banhos frios, que a comida é ruim, enfim, falou de todas as suas mazelas na cadeia para convencer seus colegas deputados. Bem, e pelo visto, ele conseguiu sencibilizar o coraçãozinho de seus nobres colegas. Mas para nossa alegria, o supremo conseguiu hoje suspender essa piada que se chamou decisão dos nossos onestissimos deputados.
Isso me leva a pensar na importância que é a reforma política urgentemente, o mais rápido possivel! Com ou sem plebissito, com ou sem constituinte, através de emenda, enfim, de qualquer jeito. A imprensa fez tanta polêmica quanto ao plebissito, e agora se percebe que o plebissito ou não é o menos importante, o que importa mesmo é pararmos de servir de palhaços para essas dignissimas autoridades, que não estão nem aí para nossa indignação. A final de contas, daqui a um ano eles serão reeleitos por pessoas desinformadas mesmo... Pessoas como nós, que nem sabemos se nosso candidato votou contra ou a favor da cassação.
Portanto, devemos nos mobilizar o mais rápido possivel para que essa reforma política saia do papel e do falatório e se torne real e concreta, e não só fogo de palha para conter manifestantes; talvez não com protestos como os que estão sendo feitos por grupos de baderneiros, mas através de abaixo-assinados, campanhas na internet, manifestação das celebridades, enfim, de formas passíficas, porém, pressionantes.
Não utilizemos a net apenas para ver videos no youtube ou para jogar, utilizemos também para fazer com que os políticos ouçam a voz do povo! Nós temos as armas, é só sabermos usá-las.
PS: perdoem os erros ortográficos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentem a vontade. estou aberta a sujestões e criticas. abraços!