segunda-feira, 4 de março de 2013

O deficiente e a capacitação para o trabalho

Olá, pessoal. tudo joia? Hoje eu vim falar sobre um video que vi na internet, falando sobre a não-capacitação do deficiente para o mercado de trabalho. Segundo esse video, o deficiente não se capacita com medo de perder o bpc "beneficio de prestação continuada", oferecido pelo INSS. Isso ocorre porque antigamente, quando o deficiente conseguia um emprego e não conseguia se adaptar, para conseguir o beneficio outra vez era necessário voltar a fazer toda aquela burocracia outra vez. O que pouca gente sabe é que isso não acontece mais. De acordo com a nova lei que beneficia a pessoa com deficiência, a pessoa pode se capacitar, procurar um emprego e caso o consiga, esse benefício é apenas suspenso e não canselado. Caso o deficiente não se adapte a sua função, basta ir até uma agência do INSS requerendo seu beneficio novamente para que ele volte a ser pago. No caso do deficiente que trabalha como aprendiz, o beneficio não é suspenso até que a pessoa seja efetivada no cargo. Essa lei é muito importante para nós, pois além de não ficarmos desamparados, não precisamos ficar apenas dependendo por toda a vida de um benefício social, com medo de quando conseguirmos um emprego e depois perdermos esse emprego, ficar desamparados. Com isso e tantos outros insentivos por parte do poder público não há mais desculpas para ficarmos acomodados esperando que as pessoas nos dêem migalhas ou sintam pena de nós. Ainda temos muitos caminhos a trilhar para mostrarmos aos outros que somos iguais, que podemos sim, com algumas adaptações, levar uma vida digna, com uma familia, um emprego com um salário compativel com os demais e uma vida social ativa. Porém agora, só depende de nós desbravarmos esses caminhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentem a vontade. estou aberta a sujestões e criticas. abraços!