sexta-feira, 8 de março de 2013

Mulher com deficiência, a nossa luta continua

Olá, pessoal, tudo joia? Em primeiro lugar, quero desejar a todas um feliz dia da mulher. Tinha outras coisas pra postar, mas não podia deixar de falar sobre esse dia.
A mulher, em geral, apesar de muitas mudanças ocorridas ao longo do tempo, aainda sofre discriminação social. Agora um tipo de mulher ainda não consegue ser ela mesma por necessidade de se impor, por necessidade de mostrar que é capaz: a mulher com deficiência. Essa mulher ainda é muito superprotegida pela familia, ainda é vista como incapaz, inutil ou até alguém que vai sempre precisar de ajuda, de auxilio, de proteção.
A familia nunca ou quase nunca vê a mulher deficiente como mulher, mas sempre como aquela menininha que não pode sair para não ser abusada pelas pessoas, aquele cristal que se quebra no primeiro empurrão. E quando essa mulher arruma um namorado, se ela consegue isso, o homem é visto como um aproveitador, que  usa a pobre menina inocente, que não pensa, não tem desejos e não conhece a vida.
No mercado de trabalho, essa mulher é vista como alguém que nunca vai conseguir exercer uma função, principalmente de muita responsabilidade. Se ela entra no mercado, principalmente a mulher deficiente visual é para atender telefone e nada mais do que isso.
Para essa mulher conseguir ser vista como ela realmente é, se faz necessário que não seja a menininha tímida, mesmo que ela seja assim. É preciso que ela se imponha, que seja a mais direta, falante e às vezes, até mau educada possivel. Se ela for assim, eles acham engraçado e começam a ver mais a deficiente como pessoa. Se for tímida e quieta, por mais inteligência e coisas boas que tenha a mostrar, nunca deixará de ser a superprotegida.
Já conseguimos avançar muito na sociedade, porém, ainda temos muito, mas muito o que evoluir, tanto socialmente como profissionalmente. Deixemos nossa timidez e meiguice de lado, por mais que seja difícil e comecemos a impor nossa presença no mundo chamado dos normais. Quem sabe um dia conseguiremos conquistar esse mundo e mostrar toda a nossa alegria, nossa competência e nossa capacidade aos demais?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentem a vontade. estou aberta a sujestões e criticas. abraços!