quarta-feira, 28 de julho de 2010

clara nunes morena de angola

essa música... tira qualquer um do normal!.
eu sei q o blog n é de musica, mas tenho achado cada video que não tem como não postar aqui.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Mundo inteiro - Roberta Campos

essa musica é tão bonitinha... como diria minha prima, é ótima para fazer um filho. hehehehhe.
ouçam e bom namoro!

domingo, 25 de julho de 2010

DISRITMIA

o video é mto massa. pra qm é amante da boa musica brasileira, vale à pena!

quarta-feira, 21 de julho de 2010

o medo

Acabei meu curso d administração de empresas e preciso ir atrás de emprego. Não pq tenho necessidade financeira, já que moro c meus pais, e apesar d sermos pobres, conseguimos viver rasoavelmente bem, mas para me sentir viva, util, feliz.
Só que meus pais prefeririam que eu ficasse em casa, estudando e estudando. E por quê? Pelo maldito medo. Eu entendo o ponto de vista deles, eles têem medo que eu me decepcione, medo que eu não consiga me virar... mas eu preciso que eles entendam també,m meu ponto de vista. Quem não precisa quebrar a cara para aprender?
E isso não atrapalha apenas a vida profissional, mas a um tempo atrás, atrapalhava, e muito a vida pessoal. Mas tenho certeza que com jeitinho e muuuuuuuuita paciencia, eu consigo quebrar esse maldito medo. Aguardem novidades!

domingo, 18 de julho de 2010

uma noticia interessante para escolas e crianças.

Save the Children convida as meninas, meninos e adolescentes de 6 a 17 anos de idade a fazer parte desta nova experiência para expressar sua criatividade
na sétima arte

As meninas, meninos e adolescentes da América Latina terão a oportunidade de mostrar todo o seu talento e criatividade na terceira edição do Festival de
Cinema Infantil e Juvenil “O que eu vejo”, concurso organizado pela Save the Children, que lhes permitirá expor suas habilidades e aptidões na sétima arte.

O reconhecimento da dignidade da pessoa humana em todos seus aspectos, a promoção da democracia, o respeito pelos outros e por nosso planeta são os temas
do festival, voltado para meninas e meninos de 6 a 17 anos de idade com inscrições individuais ou em equipes de três membros, nas categorias animação,
documentário e ficção.

Os participantes deverão apresentar curtas-metragens originais com duração mínima de 2 minutos e máxima de 10 minutos. Cada equipe poderá apresentar 3
vídeos, 1 por categoria. A data limite para recepção de materiais é 16 de julho de 2010.

O júri, integrado por reconhecidas personalidades da televisão e do cinema, avaliará a criatividade, o argumento, a qualidade da imagem, a produção, o
tema e o conteúdo do curta-metragem.

A equipe vitoriosa ganhará uma viagem à Cidade do México com todas as despesas pagas, será acompanhada por um adulto e assistirá à cerimônia de Gala no
dia 19 de agosto, onde receberá um diploma e um troféu, e também um convite para participar em uma oficina de cinema durante três dias. Diretores de cinema,
patrocinadores, meios de comunicação, personalidades do meio televisivo, cinematográfico, cultural e publicitário assistirão à cerimônia.

Para mais informações sobre os requerimentos, termos e condições, visite o site do concurso, em espanhol:
www.loqueveo.org/web2010/pdf/convocatoria_2010.pdf

Mais informações sobre a noticia, vizitem o site da andi: www.andi..org
Lá tem muitas noticias sobre o ECA e iniciativas para tornar a vida de crianças e adolescentes melhor em todas as questões. vizitem!.br

quinta-feira, 15 de julho de 2010

muito bonito. minha irmã escreveu!

Gente, tem uma reportagem antiga que minha irmã escreveu a alguns dias atrás. Digo, a algum tempo atrás. Ela faz jornalismo, e vocês vão ver que lindo que é! O exercicio era passear pela cidade de São borja e falar suas impressões sobre a cidade.

Um despertar para a São Borja que ninguém vê

No período anterior ao exercício de reconhecimento, o sentimento mais forte era o medo, que vinha até mesmo acima da imensa curiosidade que havia no momento para saber o que seria encontrado, quais as pessoas, quais os cenários, os locais que seriam conhecidos. O receio se fazia mais presente, pois as ruas oferecem perigos, que por vezes podem parecer bobos, mas eram temores que vinham acima dessa curiosidade; o primeiro sentimento foi se dissipando ao passo em que eram desvendadas muitas percepções, logo a curiosidade só viria aumentar nas horas de exercício mental, e físico, tendo em vista que a caminhada durou quase duas horas, em uma manhã de céu bonito e ensolarado, embora fizesse um pouco de frio naquele momento.

Foram inúmeras surpresas, imagens que não são habituais, visitas incomuns, um encontro com o desconhecido, que estava tão próximo de nós, um encontro que talvez nem possamos chamar de encontro, talvez uma passagem rápida, já que as histórias daqueles objetos, casas pequenas e campos não foram contadas, nem descobertas por nós, vendas que podem ser desvendadas, por que não. Como compreender a lógica de objetos sem uso aparente em pátios de casas; casas que estão tão juntas, e com aparência desguarnecida; uma residência com muitos animais, que é capaz de chamar atenção a primeira vista pela distinção de animais, que por vezes podem gerar certa desconfiança, ou temor por seu barulho e sua proximidade. Locais quase desertos, pois o único som era o dos pássaros, vacas, bois, e das pessoas que por lá caminhavam e que também tiveram uma visão diferenciada dos diversos cenários; crianças que brincam em ruas tão tranqüilas, que nem a passagem de veículos é capaz de quebrar o imenso silêncio rompido apenas pelo vento, gelado e forte que provocava o esvoaçar de cabelos e folhas de árvores, que só não se faziam mais presentes, devido ao desmatamento, que se podia sentir com o cheiro de queimadas, que irrita gargantas e mata a natureza.

Nesses caminhos até então desconhecidos, outros elementos chamaram atenção, independente de ser agradável, ou estranho aos olhos, como os locais abandonados, estudantes tão próximos de animais, o que dava um ar leve de área rural; guirlandas em épocas tão distantes do usual. Ruas tão difíceis de andar, com a presença de muitos desníveis, , que ocasionalmente eram sentidos durante a caminhada, além de um cemitério bem antigo próximo de algumas casas, um lugar totalmente desagradável de estar ,pois quem não lembra com imensa saudade, ou aperto no peito de alguém querido que não está mais aqui.

Um exercício que exigiu mais das percepções, dos sentidos, que apesar de parecer algo simples, mexeu com sentimentos guardados, e não manifestados, bloqueados, para quem sabe um novo exercício. Dessa forma, enxergar o que a primeira vista não se vê, deveria ser um dever à todos, para que não fiquemos insensíveis as surpresas, as sensações e aos sentimentos bons, ou ruins, importantes também ao repórter.


Cristiely Lopes Carvalho

terça-feira, 13 de julho de 2010

mulheres, cuidem-se!

Acabei de ver no jornal, sobre o ator mel Gipson, que bateu na ex-namorada e até a ameaçou de morte. Lembra o caso Bruno, que matou a ex-amante para não pagar a pensão ao filho que ela diz ser dele. Então, nem namorado mais é seguro arranjar, é isso?
Nós mulheres estamos cada vez mais vulneráveis aos desmandos dos homens, cada vez mais frágeis ante a homens que estão parecendo voltar pouco a pouco, a idade das cavernas. E o que podemos fazer para não cair em tais armadilhas?
Cada vez mais entendo as mães que superprotegem, os pais ciumentos, as mulheres cada vez mais desconfiadas. Aonde o mundo vai parar?

uma postagem interessante d umn blog legal

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010
Deficientes visuais promovem evento sobre a acessibilidade

s200/fsm-cegos
A Organização Nacional de Cegos do Brasil promoveu na manhã desta sexta-feira, 29 de janeiro, um debate sobre diversas questões ligadas à acessibilidade
durante o Fórum Social Mundial. Participaram do evento em Canoas, cidade da Região Metropolitana de Porto Alegre, diversos especialistas no assunto, que
levantaram possíveis soluções para os desafios diários de quem tem deficiência visual.
Um destes desafios é o acesso ao livro e à leitura em todo o mundo. O representante da Secretaria de Políticas Culturais do Ministério da Cultura, Rafael
Pereira Oliveira, comentou o impasse entre o direito autoral e de propriedade intelectual, além do acesso às obras por portadores desta deficiência. De
acordo com ele, há um tratado do governo federal proposto pela União Mundial dos Cegos para que os trabalhos de diversos gêneros possam ser reproduzidos
no sistema braile quando não há fins comerciais, sem remuneração específica aos autores.
“Os interesses privados devem estar em igualdade com os direitos públicos. Entendemos que este é um marco importante dentro deste paradigma de propriedade
individual”, ressaltou Oliveira. Segundo ele, o tratado prevê que além do sistema braile, as novas tecnologias com softwares específicos também possam
ser utilizadas para ampliar o acesso dos cegos aos livros.
Além disso, há um decreto que está na Casa Civil que regulamenta a lei n° 10.753/03, instituindo a política nacional do livro. O artigo 46, que trata do
direito autoral, prevê que a editora não tem obrigação de disponibilizar as obras para quem tem esta deficiência, o que deve ser alterado. “Estamos abrindo
um artigo que irá facilitar o acesso a versões em suporte digital, com o mesmo preço das obras tradicionais nas livrarias”.
Para o representante do governo, o decreto ainda não foi assinado porque há muita pressão de interesses privados, embora outras frentes já estejam sendo
providenciadas. “Em breve, os pontos de leitura e as bibliotecas comunitárias/estaduais terão que ampliar seu acervo em braile, o que contará como ponto
positivo no momento da busca de incentivos federais”.
Um dos participantes da mesa, o argentino Pablo Leucoma, da União Mundial de Cegos, acredita que reivindicar este tratado é um grande passo dos governos
no compromisso de disponibilizar o acesso ao livro e à leitura. “Os países da América Latina estão interessados em transformar esta realidade. Estamos
sempre lutando para possamos ter mais acesso ao conhecimento e à cultura”.
Fonte:
http://www.ecodesenvolvimento.org.br/noticias/deficientes-visuais-promovem-evento-sobre-acessibilidade .html

Postado por GRUPO DE PESQUISA: LEIA às
19:36

segunda-feira, 12 de julho de 2010

O primeiro não

Depois que acabei a faculdade, resolvi procurar um curso de inglês. Então pensei: se eu procurar no dcurso mais conhecido do brasil, que tem filiais aqui, ele será adaptado para mim, ou pelo menos vai tentar fazer isso. Liguei para lá e para minha surpresa, veio informações lá da central que eles não teriam como se adaptar.
Esse foi um dos primeiros n~ãos da minha vida. Mas não será o último. Não fiquei triste, um pouco desapontada, talvez, mas não triste. Não vou desistir, vou procurar outros cursos. Se eu não achar, quem sabe um cursinho virtual? hehehehe. Sempre tem o velho e bom jeitinho brasileiro...

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Quem foi a verdadeira Alice do País das Maravilhas? - Superinteressante

Quem foi a verdadeira Alice do País das Maravilhas? - Superinteressanteé bom saber que a alice existiu! ehehehehe.

informação util

Galerinha, umainformação interessante: quem tiver uma empresa e quiser contratar pessoas com deficiencia, ou quem for deficiente e deseja trabalhar entre no site www.selursocial.com.br
Lá são encontrados curriculos de pessoas com deficiencia e as empresas também disponibilizam vagas para essas pessoas. Meu curriculo tá lá, qm quiser contratar... hhehehehe.

quinta-feira, 8 de julho de 2010

espiritos evoluidos? onde?

Hoje lembrei que nos estudos espiritas aprendemos que em 2012 a terra iria viver um momento em que se transformaria em um local de regeneração, que os espiritos menos evoluidos estão sendo retirados daqui. Mas, vendo o caso do goleiro Bruno, lembrei de outros casos e me pergunto: até onde isso é verdade?
O goleiro do flamengo mata aex namorada cruelmente, outro garoto a tempos atrás, sequestrou por muitos dias a ex namorada, a matou e também se matou. Fora brigas no trânsito, desrespeito entre as pessoas.
Será que a terra está mesmo nesse processo?? É tão dificil acreditar nisso ante aos acontecimentos...
Pensemos nisso e façamos a nossa parte para que isso se torne mesmo verdade.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

sites inacessiveis

hoje estava tentando fazer curriculuns em alguns sites, já que preciso de alguma ajuda para sair de casa, por ser cega. Nem sempre, ou quase nunca, tem alguém a minha disposição.
Durante essa busca, achei dois inacessiveis: o do bradesco, justo esse, que prima pela acessibilidade aos deficientes, e o do SINE, justo a maior rede de empregos que conheço. Nesses dois sites, o cursor corre demais, e quando se entra numa janela, ela volta p o inicio do site.
Agora me respondam: é possivel alguém conseguir entrar no mercado, se já na procura do emprego não possui as mesmas facilidades de alguém dito normal? Fica aqui a minha indignação!

terça-feira, 6 de julho de 2010

midia podre!

pessoal. passei pra alertá-los. a RBS está acobertando um crime gravissimo cometido pelo filho do Nelson Cirotski, familia dona da rede.
Ele estuprou uma adolescente de 14 anos, colocando em sua bebida um boa noite sinderela.
Não fiquemos quietos, vamos divulgar!
Perdoem pelos erros de português.

segunda-feira, 5 de julho de 2010

é hoje o dia!

Hoje eu apresento minha monografia. Não vou negar, tô morrendo de nervosismo. Mas, ao mesmo tempo, agora sim, se fecha o ciclo.
Já mandei alguns curriculos, mas não tenho muitas esperanças, já que não tenho curso de informática, nem de inglês.; também, não vou ficar parada esperando o mundo passar! Vou à luta!
Como é bom se sentir viva e feliz. Depois de um momento meio negro na vida amorosa, hoje quero mais é q os amores se danem! Quero é viver e ser feliz!