sexta-feira, 2 de outubro de 2009

minha vida daria um livro

ontem, em viagem de volta pra casa depois de uma noite de aula, uma colega disse: "vc poderia escrever um livro.". Ela se referia às histórias de faculdade que vivemos juntas, que não são poucas. Das várias horas de espera quando o prof largava as 8:30 h, e nós, como somos de outra cidade, tinhamos que esperar até as 10:30. Ou das caronas que ela me dava e ficavamos eu, ela e uma outra colega, só falando besteira. Sem falar nas histórias que ouvimos na aula. Nossa turma é ilária!
Mas, pensando bem, eu podia escrever um livro sobre minha vida. Aliás, minha vida não foi nada fácil! Desde pequena visitas aos hospitais da capital, que fica a 10 horas de viagem daqui; aliás, nunca mais quero ver POA na vida!!! Ou das dificuldades normais da vida e da deficiencia visual, que não são poucas. Ou também de minhas próprias dificuldades internas, que tô demorado um pouco pra superar. Aliás, acho que tô demorando um bocado de tempo pra amadurecer.
Mas, acredito que todo o sofrimento é um aprendizado. A gente sempre tira algo bom dos sofrimentos. A melhor coisa que se aprende quando se precisa das pessoas é a humildade, e aprender a ser humilde, vale qualquer sofrimento. Por isso que todas as noites em minhas horações, agradeço por todos os meus sofrimentos. Todos deveriam fazer o mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentem a vontade. estou aberta a sujestões e criticas. abraços!